fbpx
pomper_Crown@300x-8

Queda de cabelo?

Saiba o que pode ser.

Porque meu cabelo cai?

Quando o assunto é queda de cabelo, é melhor prevenir do que remediar! Não é mesmo? 

Por isso, ao notar a intensidade da queda de cabelo o paciente deve procurar um profissional  o quanto antes, para que possa-se identificar e entender melhor os motivos da queda.

 

E para isso existe um exame rápido chamado Tricoscopia Capilar.

Trata-se exame não invasivo e indolor feito no consultório dermatológico com o uso de um 

fotovideodermatoscópio que possui uma câmera com zoom superpotente 

e tem o objetivo de estudar o couro cabeludo e a haste capilar.

Além de diagnosticar a calvície, também conhecida como alopecia, 

o exame ainda pode ser usado para identificar uma série de doenças do couro cabeludo.

 

Consegue-se examinar detalhadamente com e sem luz polarizada a composição e a saúde 

de todas as estruturas que formam os fios de cabelo e do couro cabeludo, capturando e salvando todas as imagens em alta resolução, podendo utilizá-las para comparação entre áreas saudáveis do couro cabeludo e dos fios.

 

E para quem é indicado este tipo de exame?

Todo paciente com queixa de queda de cabelo (mais ou menos intensa) 

e alterações no couro cabeludo pode consultar um profissional de sua confiança 

para a realização do exame.

Indica-se ainda a realização do exame pelo menos 1 vez ao ano 

ou em menor tempo caso o paciente note o aumento da queda no período.

 

Então já sabe, se notar um possível problema, não espere que o
sintoma se torne ainda mais grave.

Porque meu cabelo cai?

Quando o assunto é queda de cabelo, é melhor prevenir do que remediar! Não é mesmo? 

Por isso, ao notar a intensidade da queda de cabelo o paciente deve procurar um profissional 

o quanto antes, para que possa-se identificar e entender melhor os motivos da queda.

 

E para isso existe um exame rápido chamado Tricoscopia Capilar.

Trata-se exame não invasivo e indolor feito no consultório dermatológico com o uso de um 

fotovideodermatoscópio que possui uma câmera com zoom superpotente 

e tem o objetivo de estudar o couro cabeludo e a haste capilar.

Além de diagnosticar a calvície, também conhecida como alopecia, 

o exame ainda pode ser usado para identificar uma série de doenças do couro cabeludo.

 

Consegue-se examinar detalhadamente com e sem luz polarizada a composição e a saúde 

de todas as estruturas que formam os fios de cabelo e do couro cabeludo, capturando e salvando todas as imagens em alta resolução, podendo utilizá-las para comparação entre áreas saudáveis do couro cabeludo e dos fios.

 

E para quem é indicado este tipo de exame?

Todo paciente com queixa de queda de cabelo (mais ou menos intensa) 

e alterações no couro cabeludo pode consultar um profissional de sua confiança 

para a realização do exame.

Indica-se ainda a realização do exame pelo menos 1 vez ao ano 

ou em menor tempo caso o paciente note o aumento da queda no período.

 

Então já sabe, se notar um possível problema, não espere que o
sintoma se torne ainda mais grave.

Queda de cabelo tem tratamento?


Ao notar a intensidade da
queda de cabelo o paciente deve procurar um profissional o quanto antes, para
que com um check-up capilar detalhado, possa-se identificar e entender melhor
os motivos da queda.


O que podemos te dizer é que hoje já temos algumas opções para estimular o
crescimento dos fios, dentre elas, a aplicação de produtos, intradermoterapia
capilar, tratamento com laser e com LED
.


A intradermoterapia é um tratamento clínico no
qual se aplica substâncias ativas diretamente no couro cabeludo, que controla
ou interrompe a queda de cabelos, e também estimula a nutrição, crescimento de
novos fios e produção de colágeno. 

Ela ajuda ainda a aumentar a espessura e o volume dos fios, deixando-os mais saudáveis e menos quebradiços.

Nas regiões em que há falhas ou queda excessiva de cabelos, o tratamento aplica vitaminas e medicamentos específicos para o crescimento dos cabelos por meio de microagulhas, que agem diretamente nas raízes dos folículos capilares.


A queda de cabelos é diminuída ou cessada devido a neutralização da dihidrotestosterona (DHT), que é o hormônio responsável pelo caimento dos folículos capilares.


O LED capilar também é indicado para qualquer tipo de queda de cabelo e atua fazendo a Fotobioestimulação.

A luz penetra no local aplicado, atinge as células, e estimula seu metabolismo (há um aumento da produção de ATP pelas
mitocôndrias). 


Isto se traduz em um melhor aproveitamento dos nutrientes, uma melhor eliminação de toxinas, em aceleração da divisão celular, aceleração do crescimento epitelial com melhor cicatrização, em aumento de síntese protéica, em redução de inflamação, e em estimulação do crescimento dos pelos.

O principal objetivo dos tratamentos é o controle da queda acentuada ou aguda dos cabelos e estimular o crescimento.

Notou alguma queda de cabelo?

Agende já uma avaliação